Gelo cobre o deserto do Saara pela quarta vez em 50 anos

Gelo cobre o deserto do Saara pela quarta vez em 50 anos

27 de janeiro de 2021 Off Por dekster

Imagem: © Karim Bouchetata.

 

 

No deserto do Saara, no noroeste da Argélia, nos arredores da cidade de Ain Sefra, as dunas de areia foram riscadas com cristais de gelo até onde a vista alcançava. O fotógrafo local Karim Bouchetata registrou o clima incomum em fotos e vídeos que desde então chegaram às manchetes em todo o mundo.

Ain Sefra fica a cerca de 3.280 pés (1.000 metros) acima do nível do mar e é cercada pelas Montanhas Atlas, perto da fronteira entre a Argélia e o Marrocos. Enquanto as temperaturas de verão na região regularmente sobem acima de 100 graus Fahrenheit (38 graus Celsius), a média dos dias de janeiro é de 57 F (14 C), de acordo com a Sky News . A exibição etérea de geada na terça-feira seguiu-se a uma rara noite de temperaturas de 27 ° F (menos 3 ° C).

 

Imagem: © Karim Bouchetata.

 

O acúmulo de neve e gelo no norte do Saara é incomum, mas não sem precedentes. A varredura de terça-feira marca a quarta vez em 42 anos que Ain Sefra viu neve, com ocorrências anteriores em 1979, 2016 e 2018. As quedas de neve anteriores foram muito mais pesadas do que a exibição desta semana; em 2018, algumas áreas do noroeste da Argélia viram até 15 polegadas (40 centímetros) de neve, enquanto a nevasca de 2016 despejou mais de 3 pés (1 m) em regiões selecionadas.

© 2021, Esfera Ciência . Todos os direitos reservados. É permitida a copia da matéria desde que o link do artigo seja citado.